Primeiros passos > Organize-se

Aprenda a calcular pró-labore, o salário dos donos da empresa

calcular pró-labore

Por que você precisa ler este texto?

Muitos empreendedores não separam as finanças da empresa de suas contas pessoais. Definir um pró-labore (salário) é fundamental.

Todo dono de empresa deve aprender a calcular o seu pró-labore e também dos seus sócios. O nome “pró-labore” parece estranho e complicado, mas nada mais é do que o salário que empreendedores recebem pelas atividades exercidas na empresa da qual são donos.

Foi isso mesmo que você leu: os donos também recebem um salário fixo, que não varia de acordo com os lucros da empresa. Muitos empreendedores pensam que podem se dar ao luxo de não receber um valor definido, retirando o quanto quiserem a cada mês. Mas isso é um erro. É preciso calcular o pró-labore para controlar a saúde financeira da empresa e fazer planos de crescimento.

Para calcular pró-labore, é preciso diminuir do valor faturado todas as contas da empresa, incluindo impostos. Também é preciso separar uma quantia para o capital de giro, aquela reserva de dinheiro utilizada para suprir as necessidades financeiras do negócio ao longo do tempo. O capital de giro também irá garantir uma quantia para investir na companhia.

O que é pró-labore

Você já sabe que o pró-labore é a remuneração recebida pelos sócios, mas é preciso entender que uma empresa tem formas diferentes de remunerar cada indivíduo. O valor recebido pelos proprietários não é encarado como salário pela ótica das leis trabalhistas, por exemplo.

Um funcionário registrado recebe salário, 13º, benefícios, FGTS, férias e, eventualmente, participação nos lucros da empresa. Já o sócio não recebe nada disso. O pró-labore é registrado como despesa operacional da empresa, um valor pago pela administração que é concedido pelos associados. Por isso, incidem sobre ele alguns impostos.

Como calcular pró-labore

O primeiro passo é avaliar a capacidade da empresa de pagar o valor definido para o pró-labore. Às vezes o proprietário define que precisa de, por exemplo, R$ 5 mil por mês para pagar suas contas pessoais e tocar a vida. Mas talvez a companhia não esteja em condições de pagar essa quantia.

calcular pró-labore

Foto: Istock/Getty Images

O segundo passo é definir o valor que cada sócio irá receber de acordo com as funções exercidas e o valor investido. Os sócios que não possuem funções administrativas devem receber apenas participação nos lucros. O valor será definido de comum acordo entre os sócios respeitando a porcentagem que cada um investiu.

Recebem pró-labore os sócios que realizam funções administrativas na empresa e o valor deverá ser proporcional a função que exercem. Faça uma pesquisa de mercado para entender quanto ganha um profissional exercendo aquela tarefa no ramo de atuação de sua empresa. Por exemplo, se um administrador de padaria ganha R$4 mil, o pró-labore deverá ser equivalente a esse salário além de uma distribuição dos lucros. Outras funções comumente exercidas por sócios são diretor financeiro e diretor geral.

Além disso, quem retira o pró-labore deve colaborar com 11% do valor para o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), independente do valor e respeitando o teto de contribuição. O valor do pró-labore também deve constar na sua declaração do Imposto de Renda de Pessoa Física.

As empresas optantes pelo Simples Nacional não pagam impostos relativos ao pró-labore. Mas as não optantes devem contribuir também com 20% sobre o valor do pró-labore. Para calcular o valor dos impostos que você irá pagar sobre seu pró-labore, clique aqui.

Após definir o valor do pró-labore de cada sócio e a porcentagem de lucro que cada um irá receber, lembre-se de oficializar essas informações em contrato.

  • Essa matéria foi útil?
  • 0 0
Assine nossa Newsletter
Deixe seu e-mail abaixo e fique por dentro de todas as novidades do Meu Negócio Brilhante assinando nossa newsletter
Ao enviar o seus dados, você concorda em receber e-mail de "Meu Negócio Brilhante". Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento clicando no link 'Cancelar inscrição' nos e-mails que receerá de nós.

Assine nossa Newsletter

Deixe seu e-mail abaixo e fique por dentro de todas as novidades do Meu Negócio Brilhante assinando nossa newsletter

Ao enviar o seus dados, você concorda em receber e-mail de "Meu Negócio Brilhante". Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento clicando no link 'Cancelar inscrição' nos e-mails que receberá de nós.