Primeiros passos > Descubra sua força

Como começar um negócio? Faça este diagrama da executiva Denise Damiani

homem escrevendo

Não faz ideia de como começar um negócio? Um bom caminho é responder a uma série de questões pensadas pela executiva Denise Damiani. Faça o teste e pegue um papel e caneta agora.

Escreva o que vier a sua cabeça de bate-pronto:

– o que você gosta de fazer (para os outros);

– no que você é boa;

– do que o mundo precisa;

– se o mundo está disposto a pagar por isso;

– e o que você sabe fazer.

 

De todos esses itens, apenas para um deles você pode responder “não”: se você sabe fazer ao que se propõe. “Se você responder ‘sim’ a todos os demais e ‘não’ a esse, não tem problema. Afinal, você pode aprender a fazer ou contratar alguém para fazer o que você deseja”, explica Denise. “Todos os demais itens, no entanto, a resposta tem de ser positiva, porque se não for, a chance do seu negócio dar errado é grande.”

Um ótimo exemplo é você amar viajar e querer abrir uma agência de viagens. “Adorar viajar não significa gostar de trabalhar com isso”, afirma ela. “Você tem de gostar de fazer para os outros e não para si mesma.” A dica é responder as cinco perguntas básicas a lápis para ir aprimorando o diagrama sem precisar gastar muito papel.

 

Peça opinião e ouça críticas para começar um negócio

 

Vamos supor que você adore fazer bolos. Aí, você para e pensa: acho que o mundo precisa conhecer os bolos que eu faço. Pronto! Você já cumpre com, pelo menos, dois itens da lista (o que você gosta de fazer para os outros e no que você é boa). Para ter certeza de que o mundo precisa conhecer os seus bolos, faça o teste: ofereça uma nova “fornada” à família, aos amigos e aos vizinhos e peça a eles uma opinião sincera.

Ouça o que eles têm a dizer e encare como dicas para melhorar o seu preparo. A massa precisa ficar mais molhadinha? O bolo tem de estar mais fofo? Faltou recheio? Com cobertura é melhor? Anote tudo isso e faça um novo teste. Ofereça novos pedaços e pergunte aos seus convidados se eles comprariam o bolo que você fez. Além disso: pergunte quanto eles estariam dispostos a pagar por uma fatia e pelo bolo inteiro.

A partir daí, você começará a ter uma ideia se o seu negócio será rentável e se você conseguirá manter uma estrutura para oferecer um número cada vez maior de bolos. Leve em consideração apenas os valores médios que oferecerem. Por exemplo, se alguém disser que pagaria 50 reais pelo bolo inteiro e outra pessoa disser que ofereceria 10 reais, considere as respostas que ficaram no meio-termo e faça uma média. Nesse caso, 25 reais é um bom preço para o seu bolo.

Diagrama feito, mãos à obra! Agora, você precisa apenas fazer um planejamento com os custos para começar um negócio dos seus sonhos. Boa sorte!

  • Essa matéria foi útil?
  • 0 0
Assine nossa Newsletter
Deixe seu e-mail abaixo e fique por dentro de todas as novidades do Meu Negócio Brilhante assinando nossa newsletter
Ao enviar o seus dados, você concorda em receber e-mail de "Meu Negócio Brilhante". Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento clicando no link 'Cancelar inscrição' nos e-mails que receerá de nós.

Assine nossa Newsletter

Deixe seu e-mail abaixo e fique por dentro de todas as novidades do Meu Negócio Brilhante assinando nossa newsletter

Ao enviar o seus dados, você concorda em receber e-mail de "Meu Negócio Brilhante". Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento clicando no link 'Cancelar inscrição' nos e-mails que receberá de nós.