ISS

O Imposto Sobre Serviços é um tributo de competência dos municípios e Distrito Federal e incide sobre a prestação de serviços. Ele deve ser pago pelas empresas prestadoras de serviços e profissionais autônomos.

Profissionais com curso superior, que trabalhem sem vínculo empregatício, devem contribuir com o ISS, pagando a contribuição anual, de acordo com a tabela proveniente dos serviços. Alguns exemplos são: advogados, médicos, dentistas, arquitetos, entre outros.

No caso de microempreendedores individuais (MEI), o pagamento do ISS já está inserido na taxa paga mensalmente.

Quem tem dúvidas sobre a obrigatoriedade do recolhimento desse imposto pode consultar a lista de serviços anexa à Lei Complementar nº 116, de 31 de julho de 2003.

Como usar o termo ISS

Exemplo 1:
“Como sou trabalhou autônomo, preciso fazer a contribuição do ISS”.

Exemplo 2:
“O ISS é mais um dos impostos que eu, enquanto pessoa jurídica, devo pagar para os cofres públicos”.

Assine nossa Newsletter

Deixe seu e-mail abaixo e fique por dentro de todas as novidades do Meu Negócio Brilhante assinando nossa newsletter

Ao enviar o seus dados, você concorda em receber e-mail de "Meu Negócio Brilhante". Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento clicando no link 'Cancelar inscrição' nos e-mails que receberá de nós.