DIRF

DIRF (Declaração de do Imposto de Renda Retido na Fonte) é um relatório que deve ser enviado à Receita Federal por toda empresa que tem funcionários, revelando informações como o valor dos salários pagos e os benefícios. A declaração deve ser enviada anualmente, geralmente no mês de fevereiro.

Na declaração, a empresa deve informar:

– Os rendimentos pagos aos funcionários (salário, benefícios, bônus e adiantamentos);

– O valor dos impostos pagos por cada funcionário, incluindo o imposto de renda retido na fonte (IRRF), uma parcela do salário que é recolhida pelo governo. A porcentagem retida varia de acordo com o valor recebido pelo empregado mensalmente.

– Pagamentos feitos para pessoas que moram no exterior;

– Pagamentos feito para o plano de saúde empresarial, caso a empresa o tenha.

Todas as empresas, mesmo as enquadradas no Simples Nacional, devem enviar a DIRF. As únicas que não precisam preencher a declaração são as que estão inativas. Não enviá-la é considerado um crime e pode trazer problemas legais para o negócio. Para declarar, basta entrar no Programa Gerador feito pela Receita Federal.

Como usar a expressão DIRF”

Exemplo 1:
“Já enviei a DIRF para a Receita Federal, agora preciso passar os relatórios para os funcionários, para que eles vejam todos os impostos que foram descontados dos seus salários no ano que passou”.

Exemplo 2:
“Vou precisar da ajuda de um contador para fazer a DIRF este ano, pois tenho muitas informações a declarar”.

Assine nossa Newsletter

Deixe seu e-mail abaixo e fique por dentro de todas as novidades do Meu Negócio Brilhante assinando nossa newsletter

Ao enviar o seus dados, você concorda em receber e-mail de "Meu Negócio Brilhante". Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento clicando no link 'Cancelar inscrição' nos e-mails que receberá de nós.